Ganhe um Pen Drive em nossa página no Facebook!

sábado, 19 de março de 2011

A MENOS DE UM METRO DO OURO...

“O Hábito de abandonar tudo quando se é atingido por uma derrota temporária é uma das causas mais comuns de fracasso. Todo mundo comete tal erro, uma vez ou outra.”


Na época da corrida para o Oeste (Estados Unidos), Um cidadão foi tomado pela “febre do ouro” e partiu, decidido a cavar para enriquecer... Demarcou um pedaço de terra e começou a cavar, e em poucas semanas começou a aparecer ouro... Voltou e pediu dinheiro emprestado para familiares e amigos, comprou máquinas para trazer ouro à superfície, e investiu muito.


Com as máquinas, conseguiu retirar seu primeiro vagão e enviou à uma fundição. Os resultados comprovaram que era um ouro enriquecido, e uma das minas mais ricas do Colorado! Mais alguns vagões de ouro e logo seria paga a dívida do empréstimo e viria o Sucesso Financeiro.


Mas logo ao cavar, algo aconteceu, o veio do ouro desapareceu... Logo veio o desespero e começaram a perfurar, desesperadamente tentando reencontrar o caminho do ouro. Tudo em vão...


Finalmente decidiram desistir...


Venderam a maquinaria, para um comerciante de ferro-velho por mixaria e voltaram pra casa. Mas aquele comerciante, não era bobo! Chamou um engenheiro de minas para avaliar o local da escavação e fazer novos cálculos. Foi constatado pelo engenheiro que a falha estava na geologia do terreno devido à tremores que deslocam a terra. Os cálculos mostraram que o veio de ouro seria encontrado à menos de 1 metro de onde os antigos donos haviam parado de furar. E ele estava exatamente lá!!!


O comerciante do ferro-velho tirou da mina MILHÕES de dólares, em minério porque foi sábio o bastante ao pedir ajuda à alguém que entendesse!!!


FIM.


NOTA:


Esse trecho da história uso como exemplo para alguns membros da nossa equipe que pensa em desistir, já comentei com alguns sobre isso, quem ler vai se lembrar. Essa história é real, e abaixo resumo do modo que costumo contar li no livro "quem pensa enriquece".
Ao analisar a história como um fato, TODOS nós vamos passar por algo parecido. Temos que ficar atento se estamos agindo motivados o suficiente para ter consciência de não desistir. Saber se você saiu de casa com “febre” ao ponto de fracassar ou “entusiasmo” para vencer... Se caso for “febre” para corrigir isto, pare e seja frio em ver qual é seu REAL objetivo e determine como OBJETIVO. Assim sua relação será de determinação, pessoal para realizar um objetivo. Só empolgado não basta estar!!!
Se seu entusiasmo for grande o bastante, você irá mobilizar pessoas que você não conhece, e virá a conhecer! Diante de uma determinação entusiasmada, tornará sua ação mais leve e prática, pois você verá que não estará sozinho, pois seu entusiasmo ajudará a atrair pessoas para compartilhar de alguma forma o seu objetivo.
Quando você estiver em uma situação em que está quebrando a cabeça, peça ajuda! Peça ajuda para um ESPECIALISTA no assunto(não peça ajuda aos sabe tudo que nada sabem(vizinhos, cunhados e membros do achismo). Esse princípio de pedir ajuda a quem sabe, diante de uma dúvida faz parte da humildade.


Lauro Botelho

Nenhum comentário:

Postar um comentário